#PegaaDica: A mudança do papel do designer – design prático centrado no ser humano

Neste vídeo, Don Norman compartilha sua forma de fazer design centrado no ser humano e os princípios básicos que regem esse novo jeito de fazer design.

De acordo com este vídeo do Nielsen Norman Group, e que trazemos hoje, no #PegaaDica, o design centrado no ser humano tem 4 princípios. São eles:

  • Compreender as pessoas
  • Compreender o problema raiz
  • Compreender o sistema
  • E fazer com que o design que conecta tudo isso seja iterativo e foque em melhorias sempre.

E como podemos seguir esses passos e trabalhar o design centrado no ser humano? Assista!

Então, ficam aqui algumas dicas:

  • Primeiro, é importante parar e observar as pessoas e como elas fazem suas atividades e o que é importante nesse processo.
  • Depois, entendemos, junto às pessoas, quais problemas são realmente urgentes e fundamentais para se resolver. Assim, garantimos cobrir tudo que é importante no sistema, de acordo com todas as pessoas.
  • Por fim, a gente constrói protótipos, realizamos testes, melhoramos, ajustamos…

Essa ordem é perfeitamente lógica, correto? Mas Norman traz um ponto muito válido: nem sempre ela funciona assim. Normalmente, não se tem tempo e dinheiro para fazer as coisas como o time gostaria, no tempo que gostaria.

E outra questão é: geralmente, se constrói algo, que só depois é oferecido ao público para entender como ele interage com o produto em si. Ou seja, a última etapa se torna a primeira. “Mas isso não é de todo ruim”, pontua Norman. “Aprende-se muito dessa forma sobre os interesses, os desejos e necessidades desse público!”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima