Workshop
Acessibilidade
para Designers

  15 e 16 de fevereiro de 2020   Das 10h as 17h30   Mergo, São Paulo


Aprenda a trabalhar o seu processo de design para criar produtos digitais acessíveis que atendam as necessidades, desejos e limitações dos seus usuários.

Você certamente já ouviu falar de Acessibilidade, mas até que ponto você sabe verdadeiramente aplicá-la em seus projetos? Com foco em design de interação, usabilidade e interação humano-computador, o Workshop Acessibilidade para Designers, foca em sua aplicação conceitual e prática para que você especifique adequadamente qualquer projeto digital, seja um site ou um aplicativo.

Acessibilidade

Nível do workshop: introdutório

Esse workshop traz uma abordagem única e completa ao tema. Todos podem se beneficiar do Workshop, do iniciante ao profissional sênior.

Este workshop não é focado em softwares, mas sim em conceitos e práticas para serem aplicados em qualquer ambiente que você utilize. Também não se trata de um workshop técnico (código), mas poderemos citar alguns exemplos para fins ilustrativos. Tendo isso em vista, estes são os principais objetivos:

  • Diferentes tipos de deficiência e interação;
  • Usabilidade X Acessibilidade X Design Universal;
  • Introdução ao Design Inclusivo;
  • WCAG e o seu relacionamento com Heurísticas e Princípios;
  • Criação de “User Stories” com foco em Personas Inclusivas;
  • Mitos e Verdades sobre testes de acessibilidade;
  • Especificação de projetos digitais.

Informações e pré-requisitos


Workshop Acessibilidade para Designers

Informações do workshop
Horários e materiais

12 horas de teoria e prática:
sábado e domingo das 10h às 17h30, com pausa para almoço e coffee-break.

O que você recebe
Certificado, materiais apresentados e toolkit do workshop.

Workshop Acessibilidade para Designers

Para quem é o workshop
Público e requisitos

Público-alvo:
Designers e qualquer pessoa interessada projetar produtos e serviços acessíveis.

Pré-requisitos:
Não há pré-requisitos, mas o envolvimento com a produção de qualquer site ou aplicativo é bem-vinda.

Informações sobre os instrutores


Marcelo Sales

Marcelo Sales
Instrutor do workshop

Designer, há quase 20 anos atuando no planejamento e desenvolvimento de produtos digitais. Atualmente na Superintendência de UX do Itaú com foco 100% em Acessibilidade.

Talita Pagani

Talita Pagani
Instrutora do workshop

Especialista em UX com foco em acessibilidade, atuando há 14 anos na área de tecnologia. Atualmente é consultora e instrutora de acessibilidade digital na Utilizza.

O que você vai aprender?


Introdução

Por que e para quem falar de acessibilidade?

Antes de aprender a fazer é importante conhecer o motivo pelo qual estamos falando de acessibilidade e para quem estamos falando verdadeiramente. Vamos compreender também qual o escopo da acessibilidade e como ela se relaciona com outras disciplinas.

Interação

Diferentes formas de se interagir com um computador

A maioria absoluta dos projetos digitais levam em consideração apenas o mouse e o toque como interação, mas há diversas outras formas de se interagir com um site ou aplicativo e este é o foco aqui. Vamos entender as diversas habilidades, ferramentas e estratégias de interação, assim como as potenciais barreiras de acesso.

Usabilidade

O que é acessível nem sempre é usável

E também, nem sempre o que é usável é acessível. Vamos entender de uma vez a diferença entre usabilidade, acessibilidade e design universal.

Inclusão

O que de fato é design inclusivo?

Você leva em consideração todos os princípios ao se projetar produtos inclusivos? Este módulo trará conceitos chaves sobre a produção de um design verdadeiramente inclusivo, da arquitetura de informação ao microcopy.

Heurísticas

A WCAG não passa de heurísticas e princípios

Aproveitando que o papo é sobre princípios, daremos sequencia ao perceber que no fundo tudo o que fazemos ao se projetar sites e aplicativos é pensar basicamente em heurísticas e princípios. Vamos entender os aspectos de UX, usabilidade e design de interação da WCAG 2.1 e também os princípios de acessibilidade adotados pela Apple, Google e Microsoft em seus produtos.

Time

Quem é responsável por aplicar a acessibilidade?

A responsabilidade não é de apenas um, mas de todos os envolvidos e muito além de ter a responsabilidade é importante saber como priorizar as tarefas sobre acessibilidade em um projeto.

Testes

Como testar a acessibilidade do seu produto?

Será que é preciso esperar o site ou aplicativo chegar na etapa de desenvolvimento para se testar a acessibilidade? É importante saber o que é possível fazer antes de chegar na mão do desenvolvedor e como minimizar os problemas.

Projeto

De ponta a ponta, aprenda a projetar um aplicativo acessível

Hora de colocar a mão na massa criando toda a especificação de um aplicativo acessível do zero até chegar na mão do desenvolvedor. Não chegaremos na etapa de código e por isso mesmo você irá perceber o quão complexo é projetar um site ou aplicativo verdadeiramente acessível e passar por todas as etapas de validação de seu produto ou serviço até que sua especificação esteja pronta para ser desenvolvida.

Local


Mergo User Experience (nova sala)
Av. Brigadeiro Luís Antônio, 2504 - Sala 31, São Paulo

Workshops Relacionados

Diferentes técnicas e conhecimentos se complementam para fazer de você o profissional ideal. Se você se interessou pelo Acessibilidade para Designers, talvez se interesse pelos workshops abaixo.


Inscreva-se no Workshop Acessibilidade para Designers

15 e 16 de fevereiro de 2020 (sábado e domingo) das 10h as 17h30 em São Paulo.

Política de matrícula, cancelamento e reembolso


  • A vaga do participante no curso somente será reservada e concretizada após a devida comprovação de pagamento pela instituição financeira.
  • A troca de participantes será permitida se for comunicada por e-mail com até um dia de antecedência ao evento. Caso não haja tal comunicação, o substituto não poderá ingressar na sala de aula.
  • Em caso de desistência, o CANCELAMENTO de uma inscrição somente poderá ser realizado mediante solicitação por e-mail:
    1. Aviso com 15 (quinze) dias ou mais de antecedência: devolução integral do valor investido em até 10 (dez) dias ou transferência para outro curso de igual valor, a critério do participante.
    2. Aviso com 03 (três) dias à 14 (catorze) dias de antecedência: devolução de 50% do valor investido em até 10 (dez) dias.
    3. Aviso com menos de 72 horas de antecedência: não haverá devolução do valor investido nem transferência para outro curso.
  • Inscrições efetuadas com a opção de pagamento por NOTA DE EMPENHO não podem ser canceladas sob qualquer hipótese.
  • A ausência ou atraso do participante no dia do evento ou em um dos dias, sob qualquer hipótese, não dará direito a bonificação, desconto ou transferência de inscrição.
  • A qualquer momento a Mergo poderá realizar promoções referentes a inscrição no curso (como o fornecimento de descontos ou brindes). Este fato, no entanto, não dará direito a bonificação, descontos ou brindes aos participantes inscritos anteriormente a promoção.
  • A Mergo poderá cancelar ou adiar o curso com aviso prévio de, no mínimo, 7 dias de antecedência. Nesse caso, caberá ao participante a escolha do reembolso integral do valor pago ou a inscrição no mesmo curso em outra data ou ainda a inscrição em outro curso de igual valor. Em nenhuma hipótese será reembolsado despesas extras do participante, como passagens ou hospedagem.
  • A Mergo poderá cancelar ou adiar o curso com antecedência de 1 a 7 dias da data de realização apenas em casos de desastres naturais ou problemas de saúde do instrutor que o impossibilitem de ministrar a aula. Nesse caso, caberá ao participante a escolha do reembolso integral do valor pago ou a inscrição no mesmo curso em outra data ou ainda a inscrição em outro curso de igual valor. Em nenhuma hipótese será reembolsado despesas extras do participante, como passagens ou hospedagem.